domingo, 18 de março de 2012

As pessoas

Uma das coisas engraçadas da gravidez, são as certezas que cada pessoa tem em relação ao sexo do bebé... Nestes três meses, que mais pareceram 3 anos a passar, ouvi de tudo! "É uma menina de certeza porque eu nunca me engano!" ou então "Vem aí um rapaz, de certeza. É que eu nunca me engano sabes?Acerto sempre!" :D Alguém há-de acertar não é? Há sempre 50% de hipóteses! E depois também há os clássicos "Estás tão linda, é um menino!" ou "Muitos enjoos? É uma menina!". Seja como for, o que vier, que venha bem, é mesmo o que interessa. Velho cliché, sim.

É muito bom nesta fase inicial ouvir os conselhos preciosos que cada pessoa tem, tendo sido ou não já mãe. Tenho a sorte de ter muitas mães recentes à minha volta que todos os dias me dão conselhos valiosos e que ajudam a ultrapassar às vezes, muitas das dúvidas que nos assolam por ser uma primeira gravidez. Uma pessoa depois de saber se está grávida, fica com milhões de coisas na cabeça, como insegurança, medo, dúvidas, ansiedade, tudo e mais alguma coisa! Tenho tido muita ajuda de toda a gente e estou muito feliz por isso. É uma experiência única, por ser a primeira gravidez e todos os conselhos são benvindos.

Mas ósdespois há um fenómeno: muitas muitas pessoas só sabem falar das coisas más da gravidez... E que os pés incham e bla bla bla e que vai acontecer isto e aquilo e ai jesus minha nossa e cum catano e o diabo a nove. E não são uma, nem duas pessoas a dizer o mesmo. É praticamente todo o mulherio. Malta: ISSO NÃO AJUDA e assusta uma pessoa! Todas nós sabemos o que se vai passar, mas quando acontecer, lá terá que se lidar com isso. Se não acontecer, melhor! Não vale a pensa o sofrimento por antecipação, coisa que eu sou menina para fazer, mas estou a tentar não pensar em nada disso e levar um dia de cada vez. Já estou na fase do "Sim sim, eu já sei isso tudo....". Não tenho feitio para ouvir estas coisas todas um gazilião de vezes! Começo a ficar verde!!! Mas tento sempre responder com um sorrizinho nos lábios, claro. E agradecer.

E last but no least, a comida. Todas as pessoas se transformam em nutricionistas especializadíssimas nesta altura. E se eu fosse a acatar todas as opiniões que me dão, acho que neste momento estava a pão e água. E lá está, já começaram a levar com o "Sim, sim, eu já sei isso tudo, obrigada.". 

Agora a conclusão: ninguém faz por mal como é óbvio, mas estando do lado receptor, de quem ouve as mesmas coisas over and over again, ele há dias que não há muita paciência ou algo que o valha, para ouvir as mesmas coisas. Faço como os outros e "Smile and wave".


10 comentários:

Suz disse...

Hey, é a agulha que diz. Respect!

:P

Peça que falta disse...

Na onda dos nãotrucionistas, deixo-te um conselho: não papes grupos!

Panuci disse...

Suz, com excepção da agulha claro LOL O que a agulha diz é sagrado! XD

Panuci disse...

Peça que Falta, aí está um excelente conselho! Taken! :P

Child of The 90's disse...

E oubi dzer que no fim disso tudo, inchas, inchas, inchas e depois sai-te não sei o quê não sei por onde... Uma desgraceira, melher!

Panuci disse...

Ai é? Não sabia... Ai mulher, a ver se me ponho a pau! :P

bf disse...

Eu cá fui o oposto disso: garanti-te que podes comer sushi! Vale pontos ou é chato à mesma? ;)

Panuci disse...

bf, tu e a Suz estão no lote dos conselhos bons! :D A nossa tarde de ontem ajudou imenso em vários aspectos que ainda nem sequer tinha pensado! ;) A parte do sushi foi sem dúvida a melhor!

Faz de Conta disse...

Lol eu passei pelo mesmo por isso acho que não cometo o mesmo erro, até porque comigo correu tudo às mil maravilhas e conselhos sobre alimentação não é mesmo comigo lol

Suz disse...

Acho que todas as grávidas passam pelo mesmo :)